Projeto Político Pedagógico

Competências gerais:
Espera-se que, ao concluir o curso de espanhol, os cursistas sejam capazes de ler e
compreender textos em língua espanhola, escrever textos de nível intermediário, bem como
comunicar-se de forma adequada em situações reais.

Áreas de atuação do egresso:
Docência na rede pública municipal, estadual e federal, proficiência em cursos de pósgraduação
e comunicação com turistas hispanohablantes que visitam a região.

Ler e compreender textos em língua espanhola, escrever textos de nível intermediário, bem como comunicar-se de forma adequada em situações reais.

A metodologia a ser empregada neste curso de espanhol será eclética, buscando-se o que há de
melhor em cada abordagem de ensino de LE. Entretanto, será enfatizada a abordagem comunicativa
comunicativo.
Considerando que a aprendizagem de uma LE em país estrangeiro ocorre em um ambiente artificial
“fica difícil pensar que os alunos possam desenvolver as quatro habilidades: fala/escuta, leitura/escritura,
em profundidade e amplitude que lhes permitam uma interação efetiva com a outra língua e seus usuários.”
(PCSC,1998 p. 101).
Por este motivo, a mesma proposta sugere que se dê prioridade ao texto, pois “tendo-o como foco,
fazem-se discussões orais sobre a sua compreensão e, portanto, desenvolvemos as habilidades
fala/escuta, leitura/escritura de forma integrada.” (PCSC, 1998, p. 101). Portanto. buscar-se-á desenvolver
as quatro habilidades linguísticas através de atividades de compreensão leitora e auditiva; conversação,
dramatização e encenação; apresentação das regras gramaticais contextualizadas às diversas situações
comunicativas; atividades relacionadas com o léxico (pronúncia/escrita); aspectos fonéticos; atividades
lúdicas (jogos, música); aspectos culturais dos países hispânicos.
Assim sendo, para o desenvolvimento deste curso, serão utilizados textos em língua espanhola de
variados gêneros (músicas, diálogos, textos literários, científicos, informativos...). Portanto, é a partir do
texto que serão selecionadas as atividades a serem desenvolvidas tais como: compreensão auditiva e
leitora, conversação, itens gramaticais, análise linguística, vocabulário, discussões orais e outras atividades
que auxiliem o êxito do processo.

Departamento de Ensino, Pesquisa e Extensão do Câmpus Criciúma.

Durante todas as aulas, os cursistas serão avaliados pelo professor com o objetivo de verificar quais
são as dificuldades encontradas. A partir daí, o professor deverá buscar estratégias e metodologias que
auxiliem o aluno a superá-las.
As formas de avaliação devem ser coerentes com a metodologia empregada, ou seja, as avaliações
devem contemplar as quatro habilidades linguísticas evitando, deste modo, priorizar a nomenclatura
gramatical.
O registro, para fins de documentação acadêmica, será efetivado ao final do curso apontando a
situação do aluno no que se refere à constituição de competências.

Baixar Arquivo
SIGAA | DTIC - Diretoria de Tecnologia da Informação e Comunicação - (48) 3877-9000 | © IFSC | appdocker1-srv2.appdocker1-inst208/08/2020 15:16