Projeto Político Pedagógico

O Técnico em Alimentos estará apto para:Planejar e coordenar atividades relacionadas à produção alimentícia, à aquisição e manutenção deequipamentos;executar e supervisionar o processamento e conservação das matérias-primas e produtos daindústria alimentícia e bebidas;realizar análises físico-químicas, microbiológicas e sensoriais;implantar programas de controle de qualidade;realiza a instalação e manutenção de equipamentos, a comercialização e a produção de alimentos;aplicar soluções tecnológicas para aumentar a produtividade e desenvolver produtos e processos.

O Técnico em Alimentos estará apto para atuar em:indústrias e agroindústrias de alimentos e bebidas;indústria de insumos para processos e produtos;laboratórios de análises laboratoriais e controle de qualidade;instituições e órgãos de pesquisa e ensino;consultorias;órgãos de fiscalização higiênico-sanitárias;serviços de proteção ao consumidor;entrepostos de armazenamento e beneficiamento;serviços de alimentação;profissional autônomo;empreendimento próprio.

O discente concluinte do Curso Técnico em Alimentos irá desenvolver as seguintes competências:Realizar e interpretar análises físico-químicas, microbiológicas e sensoriais de alimentos e bebidas;atuar no desenvolvimento, processamento e conservação das matérias-primas, produtos e subpro-dutos da indústria de alimentos e de bebidas; implementar e gerenciar programas de controle de qualidade e higienização nas indústrias alimentí-cias e de bebidas;conhecer o princípio de funcionamento e manutenção dos principais equipamentos empregadospara conservação e processamento de alimentos e bebidas;aplicar as tecnologias tradicionais e emergentes para desenvolvimento e análises de produtos ali-mentícios que atendam às expectativas do mercado consumidor, que empreguem matérias-primaslocais e que possam ser saudáveis, sustentáveis e/ou funcionais;dinamizar a comercialização e o marketing dos produtos alimentícios, incluindo processos de certifi-cação, aplicando conceitos básicos de planejamento, comercialização e gestão agroindustrial;identificar questões e problemas na sua área de atuação, buscando soluções adequadas;atuar de forma empreendedora no cenário local, regional e nacional, mediante produção de produ-tos em conformidade com padrões de identidade e demais legislações

Ver no PPC o item "Metodologia de desenvolvimento pedagógico do curso"

Chefe DEPE:Carolina Pretto Panceri - E-mail: depe.urupema@ifsc.edu.br, Telefone: (49) 3236-31154.

Contatos: Giliani Veloso Sartori - giliani.sartori@ifsc.edu.br,Telefone: (49) 3236-3113Jefferson Dutra - jefferson.dutra@ifsc.edu.br, Telefone: (49) 3236-31125.

Nome do Coordenador/proponente do curso:Giliani Veloso Sartori, E-mail: giliani.sartori@ifsc.edu.br, Telefone: (49) 3236-3113

A avaliação é um instrumento diagnóstico voltado ao crescimento, estando a serviço de umaprática pedagógica para a transformação social localizando necessidades e compreendendo superações,aspectos atitudinais e culturais do educando. Sendo assim, neste curso, as avaliações acontecerão através de: avaliação diagnóstica,processual, formativa, somativa, continuada e diversificada. Serão considerados critérios como:assiduidade, realização das tarefas, participação nas aulas, avaliação individual, trabalhos em grupos,colaboração, efetuação das atividades propostas no AVEA e cooperação com colegas e professores. Outrofundamento é a continuidade, sendo a avaliação realizada durante todos os momentos do processo deensino e aprendizagem, valorizando o crescimento do aluno qualitativa e quantitativamente. Será assegurado ao aluno, durante o decorrer da disciplina, o direito de ser avaliado pelo menostrês (3) vezes. Quando o aluno não alcançar o aproveitamento mínimo, haverá recuperação paralela deconteúdos e avaliações, sendo propostas novas atividades pedagógicas no decorrer do período letivo, quepossam promover a aprendizagem, tendo em vista o perfil profissiográfico. O docente poderá utilizardiferentes instrumentos de avaliação, se assim julgar necessário, para uma melhor tomada de decisão emrelação ao desenvolvimento dos alunos. Caberá ao professor dar ciência ao aluno do resultado da suaavaliação, informando a ele quais pontos ele deve melhorar.A atribuição do conceito avaliativo final da disciplina seguirá a normatização interna do IFSC sejaem termos de percentual mínimo de presença exigido para aprovação em cursos com modalidadepresencial, seja em termos de escala de representação de conceitos. O aluno terá nova oportunidade de prestar atividades de avaliação não realizadas por motivo dedoença ou por falecimento de familiares, convocação do judiciário e do serviço militar, desde que encaminheno prazo estipulado no Regulamento Didático Pedagógico, um requerimento à Coordenadoria de Curso,com os documentos comprobatórios do impedimento.As atividades avaliativas presenciais poderão ser planejadas por meio de provas objetivas edissertativas, exposição de trabalhos, seminários, estudos de casos, apresentação de relatórios técnicos,realização de oficinas em laboratórios da área e outros. Conforme o Decreto nº 9.057, de 25 de maio de2017, as avaliações serão realizadas presencialmente. No AVEA também podem estar previstas as seguintes atividades avaliativas: fóruns, glossário, wiki(trabalhos grupos), mapas conceituais, portfólio, simuladores, produção devídeo, questionários (dissertativos e objetivos) e outros. Com relação às atividades propostas no Moodle, osprofessores deverão definir, para cada unidade curricular, quais serão os aspectos e parâmetros deavaliação aplicados, descrevendo-os no Plano de Ensino. Será aprovado na Unidade Curricular o aluno que obtiver o conceito mínimo estabelecido noRegulamento Didático Pedagógico e frequência igual ou superior setenta e cinco por cento do total de horasletivas previstas. Os casos de reprovação serão tratados conforme Regulamento Didático Pedagógicos doIFSC (Resolução CONSUP Nº 20, de 25 de junho de 2018 ).

Baixar Arquivo
SIGAA | DTIC - Diretoria de Tecnologia da Informação e Comunicação - (48) 3877-9000 | © IFSC | appdocker5-srv2.appdocker5-inst201/12/2021 21:22