Projeto Político Pedagógico

O Curso de Formação Inicial e continuada – FIC “Eletricista Predial de Baixa Tensão”, na
modalidade presencial, tem como objetivo geral capacitar as pessoas para desenvolver atividades
de eletricista na área da construção civil, de acordo com as normas e procedimentos técnicos de
qualidade, e seguindo as normas de segurança no trabalho.

O egresso do curso de Eletricista Predial de Baixa Tensão poderá atuar na área da construção
civil, em prestadoras de serviços, empresas terceirizadas e também em ambientes residenciais,
realizando atividades de execução, manutenção e reparação de instalações elétricas prediais de
baixa tensão, de acordo com projetos e em conformidade com normas técnicas,
regulamentadoras, ambientais e de segurança vigentes, selecionando, manuseando, instalando e
operando equipamentos, componentes e instrumentos.

Ser capaz de planejar e executar serviços gerais de instalação e manutenção elétrica de residências
e organizações comerciais realizando atividades de substituição, reparos e instalação de
peças, componentes e equipamentos elétricos, respeitando às normas básicas de segurança do
trabalho.

Por se tratar de um curso de curta duração e que exige pouca escolaridade dos cursistas, as
aulas serão teóricas, expositivas e dialogadas, intercaladas por aulas práticas em laboratório.

Nome do responsável pelo projeto:

Margarida Hahn

Contatos: (49) 33254149 / (49) 88492106

jpontes@ifsc.edu.br

Conforme - REGULAMENTO DIDÁTICO-PEDAGÓGICO – RDP – 11/2014
Art. 41. O resultado da avaliação final será registrado por valores inteiros de 0 (zero) a 10 (dez).
§ 1º O resultado mínimo para aprovação em um componente curricular é 6 (seis).
§ 2º Ao aluno que comparecer a menos de 75% (setenta e cinco por cento) da carga horária estabelecida
no PPC para o componente curricular será atribuído o resultado 0 (zero).
§ 3º O registro de cada componente curricular será realizado pelo professor no diário de
classe na forma de valores inteiros de 1 (um) a 10 (dez).
Os educandos serão avaliados em todos os tempos educativos, onde será considerado:
a) Participação;
b) Assiduidade e Pontualidade;
c) Iniciativa;
d) Desenvolvimento de habilidades técnicas e organizativas;
e) Desenvolvimento do conhecimento historicamente acumulado.
Salienta-se que além dos aspectos descritos relacionados à avaliação, devem-se levar em
conta as múltiplas dimensões que envolvem esse processo, ou seja, ela ainda pode ser:
Diagnóstica: considera o desenvolvimento do aluno no processo de ensino e aprendizagem;
Processual: reconhecendo que a aprendizagem acontece em diferentes tempos, por
processos singulares e particulares do sujeito;
Formativa: na medida em que o sujeito tem consciência da atividade que desenvolve.

Baixar Arquivo
SIGAA | DTIC - Diretoria de Tecnologia da Informação e Comunicação - (48) 3877-9000 | © IFSC | appdocker5-srv2.appdocker5-inst225/10/2021 05:26